HealthLife

O prejuízo à microcirculação corporal traz ao corpo diversos malefícios, sendo um deles conhecido como fibro edema gelóide (FEG), popularmente chamado de “celulite”. Tal evento se dá especialmente devido ao acúmulo de macromoléculas não drenadas pelos vasos linfáticos1,2.

Diversos são os fatores que propiciam um déficit na circulação linfática, tais como, os fatores hormonais, hábitos alimentares e sedentarismo. O FEG também está relacionado com o aumento de peso e excesso de sal3-5. Por ser um distúrbio multifatorial merece a devida atenção no tocante ao diagnóstico, necessitando de uma avaliação detalhada e global. A Fisioterapia Dermatofuncional é uma das áreas que atuam no tratamento do FEG, através de diversas técnicas, por exemplo, drenagem linfática, ultrassom, endermologia e eletroterapia4.

A drenagem linfática manual é uma técnica específica aplicada através de manobras nas vias linfáticas e nos linfonodos que tem como finalidade evacuar os subprodutos do metabolismo celular e drenar líquidos excedentes que banham as células, mantendo o equilíbrio hídrico dos espaços intersticiais6.

Sendo assim, o presente estudo objetiva analisar os efeitos da drenagem linfática manual através da técnica de Leduc no tratamento do fibro edema gelóide.

TRATAMENTO-DO-FIBRO-EDEMA-1

Subscreva para Newsletter

Receba soluções para cursos

A preocupação com a melhora na tecnologia que envolve…
O cirurgião-dentista e sua equipe estão sob o risco…
A atuação dos profissionais de Estética e Cosmética não…